Favela
BROHD1100011 - REGINALDO MARTINS / BIOFACE

Chinelos que trilam vielas,
Olhos que enxergam guerras,
Ouvidos que escutam tiros,
Lutando para se manter vivo.
Medo que se esconde em barracos,
G overno que alimenta o tráfico
Na falta de oportunidades
Aumentando preconceitos em grandes cidades.
Favela!
Brincando de polícia e ladrão,
Criança com um tiro perde a mão...
...por denunciar quadrilhas para a policia de sua falcatruas.
Na mente de um marginal, ladrão, traficante ou assassino,
Existem lembranças amargas de perda e dor de suas famílias.
Favela!
Cigarros e sintéticos,
Que alucinam e matam,
Trabalhador pai de família,
Que persiste e batalha.
Favela


Copyright © Bioface. Todos os direitos reservados.